Este site é para o Brasil. Selecione seu país se você estiver fora do Brasil.
Este site é para o Brasil. Selecione seu país se você estiver fora do Brasil.

Brigitte

“Após ter mais informações eu me acalmei e disse para mim mesma, "Ok, vou lutar contra a acromegalia”

O testemunho desta paciente reflete somente as opiniões desta pessoa sobre seu próprio tratamento. O caso de cada pessoa é único e você deve sempre consultar um médico para obter informações e aconselhamento sobre o diagnóstico e tratamento da acromegalia.

Observe que todos os tratamentos podem ter efeitos colaterais. Eles variam dependendo do tratamento e de como seu corpo reage a ele. Pergunte a seu médico sobre os efeitos colaterais ao considerar um determinado tratamento.

Antes de meu diagnóstico eu tinha dor nos dedos. Ano após ano a dor aumentava um pouco mais, principalmente à noite, e pela manhã muitas vezes eu não conseguia segurar a escova para escovar meus dentes.

Meu rosto também estava tão inchado que quase não dava para ver meus olhos e minha pele era como couro. Quando um médico tentou coletar uma amostra de sangue para um exame, ele achou difícil passar agulha pela minha pele, pois estava muito grossa.

Eu não ia ao médico todo mês, mas em uma visita eu mencionei que senti que eu estava suando muito. O médico atribuiu isso a minha idade e disse que provavelmente era o climatério (tornando-se menopausa).

Olhando para trás, eu também tinha pés e mãos maiores, mas não mencionei isso ao médico.

Provavelmente eu não teria sido diagnosticada com acromegalia por mais alguns anos se não fosse um exame de TRMN (tomografia de ressonância magnética, agora mais comumente referida como uma ressonância magnética nuclear) na minha coluna cervical solicitada por um anestesista.

Posteriormente, ter sido informada pelo radiologista que eu tinha um tumor na hipófise foi muito preocupante e então fui a um endocrinologista.

Foram tempos confusos. Eu não sabia se eu deveria sair e comprar um carro novo ou fazer uma viagem pelo mundo ou se eu estaria morta na semana seguinte. Parecia que eu tinha caído em um buraco negro e estava muito infeliz.

Após ter mais informações eu me acalmei e disse para mim mesma, “Ok, vou lutar contra a acromegalia”.

Marcado:

Histórias de pacientes

Siga este tópico

Compartilhe:

Avalie este conteúdo

Rating: 5.0/5. From 2 votes.
Please wait...

Encontre o apoio que você precisa

Vivendo com acromegalia

Informações sobre desafios emocionais, físicos e sociais da Acromegalia.

Vivendo com acromegalia

Grupos de apoio

Encontre um grupo de apoio a pacientes com acromegalia em seu país para descobrir as atividades e eventos locais que você possa participar.

Encontrar grupos de apoio

Saiba mais sobre acromegalia

Saiba mais sobre acromegalia, incluindo o que causa essa condição de evolução lenta, e os primeiros sintomas e sinais.

Saiba mais sobre acromegalia

Utilizamos cookies para garantir que lhe damos a melhor experiência no nosso site. Clique aqui para mais informações.
Ipsen
Acromunity.com é uma ferramenta online fornecida pela Ipsen a fim de informar e apoiar  pessoas com acromegalia, suas famílias e amigos, e para outros interessados em saber mais sobre esta condição. O conteúdo da Acromunity.com foi concebido, desenvolvido e ajustado com a contribuição dos que vivem com acromegalia. A Ipsen gostaria de agradecer os profissionais de saúde que receberam e forneceram considerações valiosas para o conteúdo deste site. Gostaríamos também de agradecer todos os pacientes e suas famílias que ajudaram a desenvolver este site e que compartilharam suas experiências, concordaram em serem filmados, deram feedback e nos sugeriram dicas práticas. Visite www.ipsen.com.br para mais informações sobre nós Design e desenvolvimento de sites por Kanga Health Ltd.